Acompanhe o JB por e-mail

terça-feira, 1 de março de 2016

Carreta imprensa bancária em Lajinha e ela morre

Carreta entrou na contra mão
Imprensou bancária que teve as pernas esmagadas

Populares observaram tudo de perto... alguns tentaram ajudar...



Liliane da Silva Dias Ferreira, 28 anos, moradora de Lajinha, sofreu ferimentos graves ao ser imprensada contra um muro por uma carreta que entrou na contramão na esquina da Igreja Católica, no centro da cidade.

A carreta teve que ser manobrada em marcha a ré para a retirada da vítima
O acidente aconteceu por volta das oito horas da manhã de hoje, terça-feira, dia 1º de março. Liliane ficou presa por muito tempo no local até que uma máquina da prefeitura ajudou para retirá-la do local  com fratura e esmagamento das duas pernas, sendo transferida para o Hospital César Leite, em Manhuaçu.
Por volta das 17h30, após várias horas passando por cirurgias, Liliane sofreu uma parada cardíaca e faleceu. Liliane deixa o marido Marcelo e um filho de 8 anos de idade.
Maxson Christiano, de 33 anos, o motorista que dirigia a carreta, disse que ia para Mutum e que teve que fazer uma manobra naquele lugar que é o único meio de passar por ali.




Liliane ficou imprensada nesse ponto do guarda mão...
O motorista disse que não viu quando a prancha da carreta invadiu o espaço da calçada e que não tinha visão pelo retrovisor e não viu a mulher na calçada e só parou porque houve muita gritaria de pessoas que presenciaram o acontecido.

De acordo com informações do Portal Giro Notícias, a ambulância do Pronto Atendimento Municipal de Lajinha com apoio de populares, profissionais de saúde, dos investigadores da Polícia Civil Walisson e Ramissés e dos policiais militares Cb PM Monteiro e Sd PM Soares foram para o local e, apesar do esforço, somente com a realização de manobra em marcha a ré no veículo, realizado pelo próprio condutor, é que foi possível a retirada da vitima.




A Perícia esteve no local...
A mulher foi socorrida em estado grave com fratura e esmagamento nas duas pernas e transferida inconsciente para o Hospital César Leite, em Manhuaçu. Mas não resistiu e veio a falecer. A Pericia da PC esteve no local e o condutor da carreta foi encaminhado para a Delegacia de Policia Civil.
O responsável pela empresa dona da carreta se colocou à disposição para dar o apoio necessário à família da vitima.

                                                                               (Fonte: Portal Giro Notícias - Fotos: Walter Luiz)

                                                                                                   Visite o Jornal DeBolso

Nenhum comentário:

Postar um comentário