Acompanhe o JB por e-mail

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Homem é assassinado em Lajinha


Foi registrado pela Polícia Militar de Lajinha, na tarde de quinta-feira, dia 11 de janeiro, o primeiro homicídio do ano, naquele município. Gilberto Gil de Oliveira, 50 anos foi morto com disparo de arma de fogo, na rua Américo Mizael, na saída para o Bairro Itá.
A equipe de policiais chegou ao local e ainda encontrou Gilberto com sinais de vida e providenciaram socorro imediato à vítima. Mesmo assim, Gilberto não resistiu aos ferimentos e morreu durante atendimento no PA daquela cidade.

De acordo com testemunhas, os disparos foram efetuados por dois indivíduos que chegaram pela rodovia de acesso à Chalé, numa moto Honda XRE 300, de cor vermelha e após cometerem o crime fugiram tomando o mesmo sentido que chegaram. A perícia da Polícia Civil compareceu ao local e localizou duas capsulas deflagradas. Apesar do intenso rastreamento, os suspeitos não foram localizados.

A equipe médica, ao examinar o corpo, constatou que Gilberto tinha um ferimento na cabeça, proveniente de disparo de arma de fogo com um orifício de entrada e saída e marcas de pólvora em volta do ferimento dando a entender que tiro foi dado a queima roupa. (Fonte: Policia Militar)

Ir para o Jornal DeBolso

Brasileiros, temos provavelmente o melhor sistema de filtragem de água do mundo

 Água puríssima:
.


Nós, brasileiros, temos provavelmente o melhor sistema de filtragem de água nas mãos, a muito tempo, e nem mesmo sabíamos disso. Pesquisas norte americanas apontaram que os filtros tradicionais de barro com câmara de filtragem de cerâmica são muito eficientes na retenção de cloro, pesticidas, ferro, alumínio, chumbo (95% de retenção) e ainda retem 99% de Criptosporidíase, um parasita causador de doenças.
Essas conclusões são baseadas nas pesquisas demonstradas no livro The Drinks Water Book, de Colin Ingram, ótima referência para pesquisas sobre sistemas de filtragem de água.

As pesquisas revelam que os sistemas mais eficientes são baseados na filtragem por gravidade, onde a água lentamente passa pelo filtro e goteja num reservatório inferior, justamente como são os filtros de barro no Brasil. Esse sistema mais ‘calmo’ de filtrar a água garante que micro-organismos e sedimentos não passem pelo filtro devido a uma grande pressão exercida pelo fluxo de água. Essas conclusões levam a crer que quando um filtro de água sofre uma pressão devido ao fluxo da água da torneira ou da tubulação, o processo fica prejudicado, pois a pressão sobre o conjunto faz com que micro-organismos, sedimentos ou mesmo elementos químicos como ferro e chumbo passem pelo sistema chegando ao copo do consumidor.

Por fim a pesquisa revela também que muitas das tecnologias que são lançadas no mercado não tem muita utilidade, pois, em geral não impedem que elementos perigosos como o Flúor ou Arsênio passem pelo processo de filtragem, assim sendo suficiente a compra de um filtro simples de gotejamento e cerâmica.
Assim é sempre bom ficarmos atentos na compra de produtos que são importantes a nossa saúde e, sempre analise bem o produto de acordo com a sua real necessidade.
(Clique aqui e saiba a Fonte da matéria)

Ir para o Jornal DeBolso