Acompanhe o JB por e-mail

segunda-feira, 30 de maio de 2016

"Sonhos reais", filmado com uma só câmera!

"Sonhos Reais":
O filme de uma só câmera!
MANHUAÇU É CENÁRIO
DE CINEMA ÉPICO


Conde Antonio (radialista e ator no filme) e o idealizador e cineasta Teógenes Nazaré

Teógenes Nazaré, cineasta mineiro de Manhuaçu, conta a história de José do Egito com apenas uma câmera, faz um belo trabalho cinematográfico e produz o primeiro filme épico no Brasil narrando o antigo testamento. Ele foi o pioneiro!

Com apenas uma câmera na mão, uma ideia na cabeça e sem dinheiro, o cinegrafista Teógenes Nazaré, contou com a participação de mais de quinhentos moradores da própria cidade atuando como atores voluntários, para implementar uma grande obra jamais vista na história do cinema .

O filme ''Sonhos Reais'', é baseado na emocionante história de José do Egito. A saga é contada através de uma velha Bíblia encontrada em uma lixeira por um menino de rua que, em seguida, encontra um velho mendigo que lhe conta uma história emocionante: a de José do Egito Egito.

Como surgiu a ideia...
Teógenes Nazaré arriscou para fazer um filme sem orçamento e usou de criatividade e muito material de reciclagem, produzindo cenários, figurinos e a trilha sonora original, que vem arrancando elogios de cineastas, jornalistas e usuários de internet. A entrevista com trailer oficial do filme foi lançado no youtube, e está disponível para qualquer pessoa que queira saber mais sobre o projeto.

Teógenes Nazaré - diretor e produtor do filme- em entrevista pela primeira vez desde que iniciou as gravações, disse que a idéia para o filme surgiu quando comprou sua primeira câmera (uma Panasonic VHS). Com ela começou a fazer reportagens para ajudar familias e entidades carentes através de um programa de solidariedade na TV local. Percebendo que as necessidades eram ainda maiores, resolveu em 2003 reunir pessoas volutárias de todas as classes sociais da própria cidade para frazer um filme. Por se tratar de um projeto de ajuda humanitária, já concluídas as gravações em 2011, Nazaré esperava apoio de recursos para uma boa edição e lançamento do trabalho. Esses recursos foram finalmente conseguidos através de alguns empresários, liderados por Laurentino Xavier, através de uma conversa com Paulo Timóteo, um dos atores voluntários.   

No ano de 2011, Teógenes Nazaré disse " tivemos a satisfação de receber uma equipe da Rede Record-Minas, para divulgação nacional, coisa que não aconteceu... aí, continuamos na expectativa de ajuda de alguma pessoa enviada por Deus... e foi o que aconteceu!".O filme está agora em fase de acabamento e breve teremos mais informações sobre a obra!

Quem é Teógenes Nazaré
O Téo, como os amigos o chamam, é um cara polivalente. Ele é músico (dos bons), vocalista, cinegrafista, radialista, repórter entre outras atividades, além de ser respeitado ma comunidade por ser um prestador de serviços à comunidade.
Trabalhamos juntos na Rádio Manhumirim nos anos 1986, na Rádio Manhuaçu fomos colegas na emissora, seu programa comunitário na TV Catuaí fez história resolvendo problemas sociais os mais diversos.
Para o Téo desejo o sucesso que ele merece, não só pela criatividade, vontade de acertar e de dar oportunidades. Que seu filme aconteça e seja o sucesso que nós queremos que seja! 
(por Claudio Vianei)


Algumas cenas do filme que está em fase de acabamento

*****

Nenhum comentário: